Aparelho do MR-8

Cópia 4 de imgresRua Bolivar, 124, Copacabana

Local invadido pelos agentes do CENIMAR em 1969, quando o estudante Reinaldo Silveira Pimenta, membro do MR-8, tentou fugir pela janela e acabou sendo golpeado até despencar do quinto andar e morrer. O MR-8 começou a nascer em 1966 como “DI da Guanabara”, ou seja, Dissidência da Guanabara do PCB. Apenas em setembro de 1969 a DI apareceu publicamente ostentando o nome de MR-8, com uma linha política claramente diferenciada. A DI da Guanabara foi um dos primeiros grupos resultantes de cisões do PCB a se estruturar de maneira própria. Era composta basicamente de militantes do ME e por isso era também chamada de Dissidência Universitária. A desobediência da linha oficial do PCB já se manifestou nas eleições parlamentares de 15 de novembro de 1966: o Comitê Universitário negou-se a trabalhar pelos candidatos do MDB indicados pelo Comitê Central, optando pela propaganda do voto nulo. Nascia assim o embrião de uma nova organização. As razões políticas que geraram esse MR-8 são semelhantes às que levaram à criação da ALN, do PCBR e de outros grupos voltados para ações armadas. Constituindo-se mais cedo que os demais grupos como organização independente e lançando propostas de mobilização para o ME, que se contrapunham tanto ao imobilismo do PCB quanto a uma radicalização apontada como inconseqüente na prática da AP, a DI da Guanabara destronou esses dois grupos de posições ocupadas nas direções de entidades estudantis e, na explosão das passeatas de 1968, já aparecia como organização claramente hegemônica naquele Estado. Após a decretação do AI-5 e o refluxo das mobilizações de massa, as novas condições de repressão induziram a DI a modificações profundas em sua linha de ação, implementando-se a militarização de sua estrutura e passando-se imediatamente à execução de operações de propaganda armada e assaltos, para obtenção de fundo e armas. Planejou e mais tarde executou em cooperação com a ALN a operação militar de maior impacto da guerrilha urbana: o seqüestro do embaixador norte americano em setembro de 1969. Como conseqüência dela o MR-8 sofreu alguns golpes da repressão, perdendo quadros importantes do nível de direção.

Filtros: Aparelho

Um comentário sobre “Aparelho do MR-8

  1. O MR8 nasceu em Niterói, a partir do racha da Dissidência do Estado do Rio com o PCB.
    A DI da Guanabara assumiu a sigla após a prisão da maioria dos membros do MR8 original.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*